Calipso: A ninfa da sedução

/
Na mitologia grega, Calipso era uma ninfa do mar. Ninguém sabe ao certo quem são seus pais, alguns dizem que ela era filha de Atlas e Plêione. Outros afirmam que era filha de Hélios e Perse. Para a maioria, porém, a ninfa era filha de Oceano e de Tétis. Calipso vivia em uma gruta dentro de uma montanha, na ilha de Ogígia. A entrada da sua morada era cercada por um bosque e uma fonte sagrada. Uma deusa misteriosa que trazia em si o poder da sedução. Atraído pelo perfume de Calipso, Ulisses naufraga na costa da ilha da ninfa, que se apaixona por ele, desejando tê-lo ao seu lado para sempre. Ela então o seduz e faz dele seu marido e prisioneiro por 7 anos, oferecendo-lhe inclusive a imortalidade se aceitasse ficar com ela pela eternidade. O herói, entretanto, seguia sem conseguir esquecer o seu reino, a sua esposa Penélope e seu filho. Passados sete anos, Zeus, compadecido, enviou Hermes até a presença de Calipso com ordem para que a mesma libertasse o seu hóspede. Desse modo, mesmo contra a sua vontade, ela forneceu os recursos para que Ulisses voltasse para o seu lar. É essa mulher misteriosa e envolvente que inspirou Korres na criação de sua fragrância Elksis, palavra grega que significa atração. Uma combinação intrigante e afrodisíaca de jasmim, madeiras e baunilha. De sua magia, não há como escapar.

Quem visitou essa matéria, também viu:

Informações

ResumoConheça o poder de Elksis
Imagens Matéria/arquivos/ids/173014/calipso-ninfa-seducao.tif.jpg